Investir online é cada vez mais fácil e os benefícios dos investimentos online são cada vez maiores

Cada vez mais temos usado a internet para mais atividades. As tarefas que fazemos online vão desde pedir comida a realizar reuniões. O mundo dos investimentos, naturalmente, não poderia ficar de fora dessa tendência, e os investimentos online são cada vez mais procurados.

Não é mais necessário ir presencialmente a uma instituição financeira para investir. Para alguns, existe um certo conforto em ir ao banco e tomar um café com seu gerente. No entanto, cada vez mais pessoas estão percebendo o custo desnecessário disso em termos de tempo e dinheiro.

A outra questão é que isso pode ainda te fazer perder as melhores oportunidades de investimento online.

Isso porque o seu banco insiste em te oferecer um grupo bem limitado de investimentos, que não são necessariamente as melhores opções no mercado.

Mas aceitar essa limitação não é mais necessário. O mundo é digital, online, e o acesso a informações e oportunidades está na palma da sua mão. Isso inclui, é claro, os seus investimentos.

Hoje em dia, basta apenas um computador ou até um smartphone conectado à web para investir. A internet tem se revelado um espaço com muitas opções para quem deseja investir online usando apenas um computador e uma conexão com a web.

Investimentos online: a onda mundial chegou ao Brasil


A onda do Homebroker – plataforma online para a realização de investimentos – atingiu os Estados Unidos há alguns anos atrás e se tornou parte do cotidiano dos americanos. Essa onda deu início a um caminho sem volta para a desbancarização dos investimentos.

Nos Estados Unidos, tornou-se completamente normal realizar investimentos online, fora dos bancos tradicionais (onde as pessoas têm sua conta corrente). É até estranho hoje em dia um americano ter seus investimentos no mesmo banco onde tem sua conta corrente.

O mais comum entre investidores americanos é o uso de plataformas especializadas em investimentos online. Essas plataformas focam em oferecer diversas oportunidades de investimento. Tudo online, com as melhores taxas e ferramentas customizadas para o investidor gerenciar sua carteira de investimentos online.  

Essas plataformas, como H&R Block, E-Trade, OptionsXpress e outras, apresentam uma maior variedade de oportunidades com rentabilidade superior e taxas menores. Além disso, existem plataformas que utilizam até mesmo algoritmos e robôs para automatizar e otimizar investimentos online.

Aos poucos, o processo de desbancarização vem ganhando força no Brasil e transformando a forma que os brasileiros investem online. A migração total dos investimentos bancarizados para plataformas online é apenas uma questão de tempo.

Para que você entenda quais são as opções e de que forma você pode realizar investimentos online, continue lendo este artigo.

O que é importante conferir antes de investir online

O investimento online nada mais é do que aquele realizado por meio de uma plataforma ou ferramenta conectada à internet. Esses sistemas são oferecidos como serviço por empresas com aprovação dos órgãos necessários para trabalhar com investimentos.

Seguem algumas dicas de cuidados que você deve tomar antes de investir online:

1. Verifique o credenciamento da empresa

Qualquer empresa que quer disponibilizar oportunidades de investimento online tem que ser certificada pelos órgãos regulatórios financeiros adequados.

Para confirmar isso, você pode olhar o rodapé da homepage do site pois, de forma geral, qualquer empresa legítima de investimentos terá listada o seu CNPJ, com as certificações relevantes das instituições necessárias, por exemplo, Anbima, B3 (Cetip), ou a CVM.

Hoje em dia algumas empresas tecnológicas operam como correspondentes bancárias com parcerias oficiais com uma instituição financeira. Nesses casos, é por meio desse parceiro que a plataforma executa as transações financeiras, tecnicamente, e o nome e CNPJ dessa instituição também serão listados no rodapé.

Para você, o importante é só confirmar que a empresa é credenciada para oferecer os serviços de investimento online.

Segue alguns links que pode ajudar você a confirmar a formalidade do site que você está considerando para seus investimentos:

Relação de instituições financeiras cadastradas no Banco Central
Registro de administradores de carteira cadastrados na CVM
Lista de associados da Anbima
Lista de instituições credenciadas pelo Cetip
Lista de plataformas equity crowdfunding registradas na CVM
Correspondentes bancárias cadastradas no Banco Central

Também, uma busca rápida no Google contendo o nome da empresa junto ao termo ‘CNPJ’ permitirá que você confirme muitas informações importantes.

Ao se relacionar com um profissional ou uma instituição, é importante confirmar se eles oferecem tais certificações, de acordo com o serviço que está sendo prestado.

2. Confira se o site possui um certificado de segurança válido

Ao realizar transações financeiras, enviar dados sensíveis e fazer investimentos online, é importante verificar se o site ou plataforma que você está usando utiliza o protocolo HTTPS.

Os sites que possuem o protocolo seguro HTTPS realizam toda a comunicação dos dados através de criptografia. Isso evita tentativas de roubo de informações, fraudes e outros problemas, que podem acontecer durante a transmissão dos dados entre o computador do usuário e o servidor do site.

Para saber se o site que você está acessando possui o protocolo HTTPS, basta conferir se a URL do site começa com ‘https’.

A parte importante reparar é o ‘s’ no final. Muitos sites possuem o protocolo ‘http’, mas não o ‘https’. O ‘s’ significa ‘seguro’, e é essencial que qualquer site de investimento online execute seus processos exclusivamente por meio de ‘https’ para proteger os seus dados.

3. Verifique se a empresa possui credibilidade no mercado

Antes de começar a investir online através de uma empresa, vale a pena pesquisar como anda a sua reputação na internet.

Uma busca no Google deve fornecer informações relevantes e muitos sites têm sua própria área de imprensa, onde você pode conferir matérias escritas por jornalistas sobre a plataforma de investimento online e sua atuação.

Uma boa opção também é procurar reviews online de outros clientes que já utilizaram os serviços da plataforma. Existem alguns sites especializados em recolher reviews de clientes e usuários sobre empresas específicas e eles podem conter informações úteis de pessoas que já tiveram experiências na plataforma.

Quais são as formas de investir online

Separamos a seguir algumas formas de investir online, explicando como cada uma delas funciona e quais são seus prós e contras. Confira:

Internet Banking

Internet Banking é o nome dado às plataformas digitais dos bancos tradicionais, tais como Santander, Itaú e Bradesco, por exemplo.

Como funciona o Internet Banking

Os bancos vêm sentindo a pressão da tendência mundial em que as pessoas querem fazer seus investimentos online. Portanto, se viram forçados a desenvolver suas próprias ferramentas digitais, para tentar disponibilizar aos seus correntistas o acesso aos investimentos do próprio banco, de maneira online.

Através de um aplicativo para smartphone ou de um computador conectado à internet, o usuário acessa o Internet Banking. Dentro do Internet Banking de alguns bancos tradicionais existe uma área de investimentos, onde é possível aplicar seu capital.

Prós do Internet Banking

Familiaridade. O investidor pode investir online pelo banco que já conhece, onde tem sua conta corrente. As transações financeiras e investimentos podem, assim, ficar centralizadas em um único lugar.

Contras do Internet Banking

Os bancos tradicionais em geral possuem altas taxas de administração, oportunidades de investimento extremamente limitadas e muita pouca informação para ajudar o investidor a entender os investimentos apresentados e como funcionam.

Como resultado, os investidores possuem um baixo controle do seu investimento online.

Boa parte dos bancos vende apenas pacotes prontos de investimentos e focam apenas nos produtos do próprio banco. Geralmente são bem menos rentáveis que outras alternativas de investimentos online.

E tem mais:

Como o Internet Banking está longe de ser a prioridade dos bancos, suas ferramentas tem a reputação de serem extremamente ruins em termos da experiência do usuário, apresentando complicações de dificuldades inexplicáveis na hora do investidor tentar aplicar e gerenciar seus investimentos online.

Isso sem mencionar que os maiores bancos do país são famosos por terem um dos piores atendimentos no mundo. Assim, qualquer problema com seus investimentos online que o usuário não consiga resolver, geralmente o força a acabar visitando uma agência física, o que invalida completamente a proposta de ter uma ferramenta digital para efetuar seus investimentos online.

Home Brokers

O que são:

Home Broker é uma plataforma de investimentos online que conecta o usuário final à bolsa de valores. Eles são desenvolvidos por corretoras e costumam permitir diversos tipos de investimentos, como ações de empresas cotadas na bolsa de valores, títulos públicos, fundos, debêntures, LCI e LCA, etc.

Antigamente, para comprar e vender ações na bolsa de valores, você era obrigado a ligar para uma corretora e pedir que ela executasse a transação.

Hoje em dia vivemos no tempo dos investimentos online e você pode efetuar qualquer transação do conforto da sua casa ou escritório, de maneira online, com muito mais agilidade, por meio de um Home Broker.

Como funcionam os Home Brokers

O investidor realiza um cadastro numa corretora online ou tradicional que possua Home Broker, abrindo uma conta para investimentos online. Ele pode acessar o Home Broker através de um aplicativo ou pelo navegador conectado à internet. Então, ele deposita na conta da corretora responsável pelo Home Broker, e utiliza o capital para investir online.

Prós dos Home Brokers

Com o Home Broker, o usuário tem total controle dos seus investimentos online e pode investir online sem sair de casa. Basta escolher entre os investimentos disponíveis e fazer as compras dos títulos ou papéis.

Além disso, as corretoras oferecem, por meio do Home Broker, uma ampla variedade de opções de investimento online de várias instituições, que vão além dos produtos do próprio banco ou da própria corretora em questão. As taxas envolvidas nas transações e na administração dos valores são bastante competitivas e variam de acordo com o investimento.

Os Home Brokers costumam contar com bastante conteúdo educacional, capaz de ajudar o investidor a entender melhor quais são as oportunidades de investimento online que existem e como elas funcionam. Esse conteúdo é disponibilizado de diversas formas: textos e artigos de blog, e-books, vídeos, entre outros.

Também é possível receber atendimento de forma rápida, como via telefone e online, por meio do chat ao vivo, por exemplo. Isso facilita o usuário na hora de investir online, já que ele conta com assistência para tirar dúvidas sobre seus investimentos online e assim sentir-se seguro.

Contras dos Home Brokers

A variedade de oportunidades de investimento online pode requerer que o investidor estude um pouco antes de investir. Isso porque, para que ele tenha uma dimensão mais clara dos tipos de retorno, taxas de administração cobradas, riscos envolvidos e tipos diferentes de investimento, ele vai precisar conhecer melhor quais são as opções disponíveis e como cada uma delas funciona.

Plataformas de equity crowdfunding – Investimentos em startups online

Você pode investir em empresas enormes, cotadas na bolsa de valores, através de qualquer Home Broker.

Mas, para investir em startups online, a única maneira é através de uma plataforma de equity crowdfunding.

As plataformas de equity crowdfunding são empresas que tem a aprovação oficial da Comissão de Valores Mobiliários (sob a Instrução CVM 588) para trabalhar especificamente com esse tipo de investimento.

Startups são empresas privadas, enxutas e inovadoras com modelos de negócios altamente escaláveis, operando em mercados enormes.

O hábito de investir em startups vem se popularizando entre investidores pelos altos retornos potenciais que são possíveis por meio de investimentos em startups.

Assim, por meio das plataformas de equity crowdfunding, você consegue investir em empresas privadas que não são cotadas na bolsa de valores.

Como funcionam as plataformas de equity crowdfunding

Para começar a investir em startups online, basta criar uma conta (é gratuito) em uma das plataformas regulamentadas, com aprovação oficial da CVM.

As plataformas performam a busca e filtragem das oportunidades de investimento para depois disponibilizar para você, por meio de uma rodada de investimento em que você pode investir diretamente na empresa startup.

É importante lembrar que você não terá uma conta fiscal dentro de uma plataforma de equity crowdfunding. Isto é, você não depositará seu dinheiro primeiro na sua conta na plataforma para depois começar a investir.

Quando você investe em uma empresa privada por meio de uma plataforma de equity crowdfunding, o seu dinheiro fica com você até o final da rodada do investimento da empresa. No fim da rodada, você transfere o valor do seu investimento da sua conta bancária diretamente para a empresa investida.

Prós das plataformas de equity crowdfunding

Você tem acesso a oportunidades de investimento que possuem retornos potenciais maiores do que os retornos possíveis com investimentos tradicionais.

Os investimentos em startups oferecem a possibilidade de gerar retornos potenciais de 10, 20, 30 vezes ou mais sobre o valor investido, além de outros benefícios.

Contras das plataformas de equity crowdfunding

São investimentos de longo prazo, baixa liquidez e risco elevado. Muitas startups não atingem sucesso, gerando nenhum retorno para o investidor, e esses investimentos não possuem garantia do Fundo Garantidor de Crédito (FGC). Por isso, o investidor deve aplicar a estratégia certa ao investir em startups.

Plataformas de empréstimo P2P

P2P significa ‘Peer to Peer Lending’, e essas são plataformas de empréstimo que permitem que você, junto com outros investidores, ofereça empréstimos diretos para pequenas e médias empresas.

Nessa modalidade, o seu retorno será o que render dos juros que as empresas lhe pagam sob o dinheiro emprestado ao longo do prazo do empréstimo.

As empresas disponíveis nas plataformas P2P geralmente possuem modelos mais tradicionais e estão em busca de crédito sob uma taxa que melhor do que a oferecida por um grande banco.

Como funcionam as plataformas de empréstimo P2P

O usuário se cadastra como investidor numa plataforma de empréstimos a empresas online e escolhe a quais empresas deseja destinar valores de empréstimo.

Dentro da plataforma, você pode ver os detalhes sobre a empresa e do empréstimo, tais como taxa de juros oferecido, forma e frequência de pagamento, prazo, credit rating da empresa, além de outros métricas importantes para você avaliar cada oportunidade de investimento.

Prós das plataformas de empréstimo P2P

Elas oferecem apenas um tipo de investimento, de renda fixa e com maior rentabilidade potencial.

Essas empresas pagam aos investidores juros maiores do que o que você receberia por meio de investimentos de renda fixa disponíveis no seu banco, por exemplo.

Contras das plataformas de empréstimo P2P

Junto com o potencial de um retorno maior, vem um risco elevado. Essas empresas podem não honrar seu compromisso e acabar não pagando os investidores. Ao contrário de outros investimentos, empréstimos P2P não possuem garantia do Fundo Garantidor de Crédito (FGC).

Construa seu portfólio de investimentos online

A internet trouxe conectividade e acesso a informações que eram simplesmente inimagináveis anteriormente. Isso sem mencionar a capacidade de executar tarefas que antes só eram possíveis no mundo físico, como se comunicar, comprar e investir.

Hoje em dia, o investidor não tem que se limitar apenas aos investimentos que seu gerente de banco decide lhe oferecer. Esses investimentos sugeridos pelo gerente, aliás, muitas vezes não são os mais rentáveis. Por meio de plataformas de investimento online, hoje você tem acesso a uma enorme variedade de investimentos com diversos perfis de rentabilidade e taxas competitivas.

A abertura desse mundo possibilitou a você montar um portfólio de investimentos que o posicionará melhor para atingir suas metas financeiras.

Para investir online da melhor forma, busque instituições com alta credibilidade, bom histórico e autoridade no mercado em que fazem parte.

Com essas ferramentas, nunca foi tão fácil construir um portfólio diversificado de investimentos, altamente calibrado para seu perfil individual de investidor, maximizando assim sua possibilidade de atingir suas metas financeiras.

Está buscando novas formas de investir online? Pensa em investir em empresas pela internet? Descubra 4 motivos para investir em startups.

Gostou desse artigo? Deixe seu comentário abaixo!

Leia o post anterior:
3 fatores chave para escolher uma startup para investir

Tempo de leitura: 6 minutosCom o sucesso das startups nos EUA e outros países, está ficando cada vez mais óbvio...

Fechar