Retorno de Investimento: Primeiro Exit da EqSeed

 

Ontem, dia 29 de setembro de 2020, recebemos o comunicado oficial sobre o primeiro caso de retorno de investimento para investidores da EqSeed. Uma notícia extremamente gratificante tanto para nossos empreendedores e investidores, quanto para o mercado de Equity Crowdfunding do Brasil.

 

Carteiras digitais: Bradesco lança o Bitz — e usa o peso de seu ecossistema | Brazil Journal

 

O Bitz, carteira digital e conta de pagamento do Bradesco, anunciou a aquisição da fintech DinDin, que atua no mesmo setor há 4 anos. O negócio representa mais um case de aquisições estratégicas no mercado de fintechs brasileiro, caracterizado por instituições financeiras estabelecidas adquirindo startups de perfil inovador a fim de aumentar o escopo dos serviços que fornecem aos seus clientes e de modernizar suas capacidades tecnológicas.

“A Dindin acelera a aquisição de know-how e traz um time experiente, o que é crucial para o plano de expansão do Bitz”, afirmou Curt Zimmermann, CEO do Bitz. O negócio está em linha com a estratégia de crescimento da nova empresa do Bradesco. “Queremos conquistar uma fatia entre 20% e 25% do mercado de carteira digitais no prazo de três anos. Devemos fazer mais uma aquisição ainda este ano, com objetivo de acelerar a estruturação do time e de crescer o negócio”, afirmou o executivo.

 

Sobre a DinDin

Bitz, fintech do Bradesco, compra carteira digital DinDin – Últimas notícias – E-Investidor

A Fintech captou investimento por meio da plataforma da EqSeed em 2018. Na época, a rodada de investimento da DinDin foi em tempo recorde, levou apenas 12 dias para concluir. Desde então, apenas 2 anos se passaram e a startup, que é liderada pela Stephanie Fleury, mostrou eficiência e alta escalabilidade do negócio. Nesse meio tempo construiu um ativo de grande valor para o mercado, o que acabou chamando a atenção do Bradesco.

“Uma das coisas que mais nos motivou na proposta do Bradesco foi a confiança que demonstraram na nossa equipe”, disse Stéphanie Fleury, sócia fundadora e CEO da Dindin. Ela foi a primeira mulher a vender uma startup para o Bradesco.  “O expertise acumulado nesses quatro anos de operação, e o mindset de startup irão ajudar a construir o Bitz com mais agilidade e foco na inovação”, complementou a Stephanie.

Stéphanie é formada em Administração de Empresas pela PUC-Rio e possui sólida carreira no mercado nacional e internacional. De acordo com estudo da Bain & Company, realizado em parceria com o Linkedln em 2019, a executiva faz parte dos 3% das mulheres que comandam organizações no Brasil.  “Fico extremamente honrada por ter a oportunidade de ocupar uma posição tão importante em uma empresa do tamanho do Grupo Bradesco. Precisamos fazer a nossa parte e permitir que mais mulheres consigam espaços de liderança, em prol de um mercado mais diverso e mais bem sucedido”, finalizou a Stéphanie, que agora assume como Head da Area Comercial do Bitz.

 

Investidores e mercado de fintech brasileiro também comemoram 

 

The Story of a Successful Australian Property Investor - DG Institute

 

No início da operação, foram os próprios sócios da DinDin que financiaram o crescimento da empresa nos anos iniciais. No entanto, após ter atingido um certo nível de tração no mercado, a startup captou investimento adicional de 46 investidores anjos individuais através da EqSeed. Dessa forma, a aquisição da DinDin não beneficiou apenas as empresas diretamente envolvidas, como também trouxe retornos expressivos para os nossos investidores que acreditaram no potencial da empresa lá em 2018.

Nosso co-fundador e diretor estratégico Brian Begnoche complementa: “Quando captou pela nossa plataforma, a DinDin já apresentava uma solução extremamente inovadora, robusta e eficiente. Vimos que a startup tinha o potencial de preencher um gap relevante do mercado. Na ocasião, bateram nosso recorde de arrecadação em dinheiro e em tempo, foram R$ 600.000 em apenas 12 dias. A eficiência aliada à alta escalabilidade evidentemente acelerou o processo de saída da empresa, que resultou na DinDin sendo adquirida somente dois anos após sua captação seed. Os investidores da nossa plataforma enxergaram esse potencial na empresa em 2018, e agora serão premiados com um retorno de seus investimentos em apenas dois anos”.

Como é costume no mercado de M&A, a formalização da aquisição da DinDin pelo Bitz depende da aprovação do Banco Central e outras entidades reguladoras relevantes. O valor da transação não foi revelado.

 

O que a aquisição da DinDin pelo Bradesco representa

 

Como perguntar o significado de algo em inglês

 

Essa aquisição traz 3 pontos muito importantes:

  1. A validação do ciclo completo do nosso modelo de Equity Crowdfunding. O Bradesco é um banco enorme e assim todas suas aquisições passam pelas regras mais rígidas de due diligence e compliance. Essa aquisição comprova que empresas podem captar investimento com dezenas ou até centenas de pessoas físicas e permanecer atraente para serem adquiridas por empresas gigantescas, como o Bradesco – uma das maiores instituições do país.
  2. Nosso foco obsessivo em trazer ao mercado as melhores Startups. Ficamos felizes ao ver que um dos maiores bancos do Brasil, através dessa aquisição, valida uma empresa que passou pelo nosso processo de seleção. Isso confirma ainda mais que estamos no caminho certo com relação ao crivo de qualidade na seleção das empresas que captam em nossa plataforma.
  3. Mulheres empreendedoras em tecnologia. De todas as empresas que captaram via EqSeed até o momento, é um orgulho tremendo ver que nosso primeiro caso de Exit vem de uma empreendedora mulher. Que esse exemplo se espalhe e que vejamos cada vez mais mulheres sendo protagonistas no ecossistema de tecnologia e startups.

Sendo assim, parabéns Stephanie e a toda a equipe da DinDin. Parabéns ao banco Bradesco pela aquisição. E claro, parabéns aos investidores EqSeed que conseguiram investir nessa fintech há 2 anos atrás por meio de nossa plataforma!

De nossa parte, seguirmos com o nosso propósito de fornecer acesso a oportunidades ganha-ganha para empreendedores e investidores.  Seja empreendedores que estão em busca de captar com rapidez até R$5 milhões para escalar sua empresa, seja investidores querendo acrescentar startups em suas carteiras de investimento em busca de retornos de investimentos exponenciais.